Steffany Borges | Blog: CRIANÇAS DE CABELOS CRESPOS

Publicidade

segunda-feira, 1 de agosto de 2016

CRIANÇAS DE CABELOS CRESPOS

Oi gente!


No post de hoje quero iniciar um assunto de extrema importância e ao mesmo tempo pouco discutido na Internet, é sobre qual deve ser o posicionamento de um adulto diante de uma criança com cabelos cacheados/crespos, minha intenção aqui é refletirmos um pouco.




'QUERIA TER CABELO LISO, MÃE!'

Sempre estive muito preocupada em como devemos lidar com as crianças cacheadas, especialmente crespas. É comum ainda hoje, e era também para mim, quando criança, o desejo de dançar com os cabelos soltos ao vento, também adoraria ter uma franja na testa, até tive pois eu mesma cortei na tentativa de ficar ‘bonita’ (MUITAS IRÃO SE IDENTIFICAR rs) Escutei dos colegas e parentes que o meu cabelo era ruim, até que eu me acostumei a ter cabelo ruim, e eu falava (o meu cabelo é ruim..)


DENTRO E FORA DE CASA

Definitivamente eu não nasci com todas essas concepções respeito de mim mesma. A mídia, com certeza, teve parte da responsabilidade, nos desenhos animados as princesas eram brancas e de cabelos escorridos.. Mas acho muito cômodo culpar a mídia, quando nos omitimos da responsabilidade. Já escutei da minha mãe por diversas vezes que iria alisar o meu cabelo pra ficar mais fácil cuidar, e aconteceu comigo! Aos 7 anos de idade ela aplicou um produto relaxante para 'soltar' os cachos. Por muitos anos, minha própria mãe me fez pensar que meus cabelos eram um desafio a ser enfrentado.








REPRESENTATIVIDADE


- CABELO DURO
- CABELO RUIM
- CABELO ARMADO
- CABELO REBELDE
- CABELO BOMBRIL

Amigos, pais, tios, primos etc. Podem e devem poupar a criança de escutar esse tipo de coisas a seu respeito. E ainda intervir quando o sentimento de rejeição for colocado, seja por um parente ou colega da classe. O seu papel deve ser aquele que expressa amor e carinho. Aqui em casa temos o hábito de elogiá-las, é um exercício que nos faz pessoas melhores, transformadoras. Para a criança, não tenha dúvidas de que o seu gesto a fará mais amiga de si mesma. Vamos tentar mudar e cultura do cabelo ruim! A começar por nossas crianças.


Eu espero muito que vocês tenham gostado! Compartilhe com seus parentes e amigos ♥ Um beijo


ME SIGA!





Comente com o Facebook:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...